Diário #5: viagem para Fortaleza

28, 29, 30 de Junho e 1º de Julho de 2017

Eu já havia visitado Fortaleza antes, mas dessa vez foi especial por vários motivos, a começar pelas pessoas. Fui para lá com o propósito de participar de um congresso de comunicação que estava acontecendo, então muitas pessoas da minha turma e alguns professores também foram. Esse foi um grande diferencial da viagem: a companhia e a tiração de onda.

Eu e mais cinco meninas conseguimos alugar um apartamento super chique na beira mar por um preço muito legal; era enorme, tinha uma segurança muito boa e era super coisa de gente ryca e phyna, então tive que fingir costume diariamente. Também visitamos a Praia do Futuro em um dia mais livre do congresso e foi incrível, pois era uma área mais separada da praia, que tinha uma recepção incrível e comidas maravilhosas.

Fizemos massagem na praia, comemos muito, passeamos na orla, tomamos muito sorvete e fomos dormir super tarde falando besteira e fazendo palhaçada uma com a cara da outra. Eu sou o tipo de pessoa que não me dou muito bem com rotinas, mas amei acordar todo dia com as meninas e tirar uma a uma da cama, tirando onda com o mal humor matinal.

O congresso em si também foi uma experiência maravilhosa. Apresentei uma oficina e um artigo e pude ver o potencial que a profissão tem como agente modificador da sociedade. Os outros projetos que vi eram incríveis e é muito legal ver outras pessoas pelo nordeste se esforçando para praticar um jornalismo consciente e responsável.

No momento em que nossa profissão se encontra, é justamente de encontros assim que precisamos. Inspira muito ver pessoas interessadas em entender coisas novas, buscando se aprimorar na profissão. É muito interessante também ver os diversos encaminhamentos dentro da área, tem tanta opção e possibilidade que às vezes a gente nem se toca.

Como um professor meu disse, às vezes mais importante do que o próprio evento, é o relacionamento nutrido entre alunos e professores. E foi tudo isso e muito mais; voltei no domingo e já fiquei com saudades de encontrar a galera na beira mar, mesmo que eu os veja aqui sempre e Recife também tenha beira mar.

Foi uma experiência diferente, daquelas que a gente esquece tudo no curso, mas não deixa essa lembraça de lado nunca. Ano que vem tem mais e espero poder ir com tanta companhia boa assim!

Anúncios

2 comentários sobre “Diário #5: viagem para Fortaleza

Converse!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s