Pós férias e nova cara do blog

Para quem tinha planejado fazer posts de natal, eu meio que sumi, não foi?! Não foi uma coisa planejada ou exatamente uma escolha consciente, mas foi algo que precisava ser feito. Quando eu comecei esse blog, o fiz porque era algo que eu tinha muito interesse e gostava de fazer. Em dois anos, eu aprendi muito sobre a área e sobre mim mesma, mas com as mudanças constantes no instagram, me vi cada vez mais impaciente e irritada a respeito do blog.

Assim que percebi isso, parei de postar. Não foram férias programadas, foi bem natural – tanto que eu realmente tinha planeado posts de natal, estava tudo anotado no meu calendário -, deixei os planos para lá e resolvi relaxar a cabeça. Entrei de férias da faculdade e do estágio e realmente pude aproveitar o momento de não ter nenhuma obrigação.

Foi justamente isso que o blog acabou se tornando para mim: uma obrigação. Ah, tem que postar três vezes por semana, tem que editar todas as fotos, tem que ter post no instagram para acompanhar e chamar para o link, mas eu meio que perdi a vontade, deixou de ser algo prazeroso para mim e minha ideia nunca foi produzir conteúdo só por produzir. No jornalismo a gente sabe que essa vibe não funciona nada bem, então também não queria isso nesse espaço.

Algumas pessoas me mandaram mensagens no instagram perguntando se estava tudo bem e se eu iria voltar. A princípio, eu não tinha muita certeza se iria, por não estar mesmo com vontade de fazer posts, mas ontem de noite me deu vontade de compartilhar algumas coisas por aqui, então resolvi fazer esse post e tenho algumas ideia para alguns próximos.

Porém, não quero cair de novo na armadilha de passar a me aborrecer constantamente com esse espaço, então não vai haver mais dias fixos de postagem e vou tirar o instagram do modo “empresa” e torná-lo pessoal. Pode ser que tenha posts todos os dias, pode ser que eu passe duas semanas sem postar – a única coisa que importa é que eu sinta prazer em postar o que quer que seja, sem me importar se o instagram vai esconder a postagem ou não.

A partir de agora, esse espaço está livre, assim como eu, de obrigações. Feliz 2018!

Anúncios

Desejos para o Natal de 2017 e o final do ano

Oi, amores! Tudo bem?

Então, o natal se aproxima, não é?! Uma das coisas que eu mais gosto nessa época do ano é a vibe bem gostosinha de que vai dar tudo certo, as músicas, as luzes, fica uma coisa bem mais leve, parece que as pessoas estão mais tolerantes e animadas com o que o ano seguinte tem a oferecer. Eu também adoro essa contagem regressiva e a preparação para a noite de natal.

Confesso que quando paro para pensar onde eu estava no ano passado e onde estou agora, dá uma coisa doida na cabeça, pois muita coisa aconteceu, vivi 45 vidas em um ano e, no geral, 2017 foi um ano muito bom. Acredito que cresci muito e essa reta final foi super definitiva para mim enquanto profissional. Estou muito animada para o que 2018 tem a oferecer, pois vou me formar, e mal posso esperar para ver o que vai acontecer depois disso.

Para esse natal, sendo bem honesta e humilde, eu quero paz de espírito, sem aquela coisa de me sentir culpada por não estar ocupando todo o meu tempo com obrigações da vida adulta – apesar de ainda estar indo para o estágio. Quero tranquilidade para ficar na capa deitada assistindo besteira, sem me preocupar com nada. Quero poder cuidar de mim mesma, fazer exercícios, escutar muita música, assistir filmes e ler livros que perdi durante o semestre doido.

Quero poder estar próxima de pessoas que eu gosto, que me alimentam de coisas boas, que estão na mesma vibe que eu e só tem o que acrescentar. Para esse natal, eu quero distância de preocupação e ansiedade, pois tenho consciência de que dei o melhor de mim durante todo esse ano e conquistei coisas incríveis. Para esse natal, quero me sentir livre.

Resenha: toalha demaquilante da Macrilan

Oi, amores! Tudo bom?

O avanço da tecnologia tem trazido muito produto legal para quem gosta de maquiagem e esse aqui realmente me deixou de cara quando eu vi a proposta. Primeiro apareceu lá na gringa e a proposta é remover a maquiagem apenas com a toalhinha molhada, não precisa usar nenhum outro produto. Já pensou nisso?!

Pois é, a princípio eu fiquei um pouco desconfiada, afinal como pode um pano ser removedor de maquiagem? Mas acontece que esse aqui, versão abrasileirada feita pela Macrilan, contém fibras específicas que realmente removem a maquiagem sem precisar de nenhum produto, basta molhar.

Da primeira vez que usei, fiquei desconfiada e não botei fé, então claro que não funcionou, mas depois fui tentar de novo e fiquei CHOCADA com o resultado. Gente, essa toalha úmida realmente tira a maquiagem. Porém, veja bem, ela não LIMPA a pele, ela apenas REMOVE o excesso do produto, então claro que não substitui um sabonete e água micelar depois.

Ah, e quando estou usando máscara de cílios ou batom líquido, não acho que valha a pena tentar remover com a toalha. Ela tira, mas dá um pouco mais de trabalho, precisa esfregar com certa vontade, e a toalhinha fica toda manchada, então precisa ser lavada logo em seguida.

Essa é outra coisa que é preciso ter em mente: lavar bem a toalha. Como ela fica úmida, é um local perfeito para as bactérias fazerem a festa, então é importante lavar com sabonete antibacteriano e água quente. Não dá trabalho na hora de lavar, mas é preciso fazê-lo com regularidade, principalmente se você sofre com acne ou coisas do tipo.

Ela funciona melhor ainda quando eu passo um demaquilante que “derrete” a maquiagem, como o Ultrabland da Lush ou o demaquilante em óleo da The Body Shop; fica bem mais fácil de remover e a limpeza já é mais profunda. Eu amei a ideia desse produto, principalmente por ele ser mais sustentável que a maioria. Ah, e comprei essa lindinha por R$ 20, então tem ótimo custo-benefício também.

Indicações: favoritos de Novembro

Oi, amores! Tudo bom com vocês?

Gente, eu acho que vivi 14 vidas em novembro, mas nunca vi passar tão rápido! Foi tão depressa que demorei pra me lembrar quais seriam os favoritos desse mês, tudo misturou na minha cabeça e quase falei sobre os mesmos de outubro, pois um mês engoliu o outro e agora cá estamos, em dezembro. Dessa vez, a lista de favoritos está cheia de coisas novas, então aproveita pra pedir a papai noel.

Batom Nina do Pausa Para Feminices: Passei muito tempo sem usar esse batom, mas um dia estava com vontade de passar um rosa e o resgatei. Me apaixonei de novo por essa cor e usei por vários dias seguidos. É um rosa bem Barbie, um pouquinho de nada mais envelhecido do que um rosa verdadeiro. Fica bem lisinho nos lábios e dura horrores. É bem matte mesmo, então é bem resistente.

Hidratante para as mãos Zoella Wonder Hand: Uma coisa que eu não gosto é hidratante para as mãos, fica tudo escorregando, mas esses dias senti que precisava e tirei esse aqui da gaveta. Ele é em fininho e tem um cheirinho bem relaxante, nada muito forte, então aplico antes de dormir, a pele absorve bem e no dia seguinte sinto a diferença.

Toalha demaquilante da Macrilan: Comprei essa toalhinha há muito tempo, mas fiquei sem entender como ela funcionava e não usei. Um dia, meu demaquilante preferido acabou e resolvi testar. Gente, queria saber que bruxaria tem nisso, porque funciona muito bem. Basta molhar e tirar o excesso, depois passar no rosto como se estivesse enxugando. SAI TUDO! Em breve faço uma resenha completa dela.

Sabonete líquido Waterlily & Oil da Nivea: O que eu mais gosto desse sabonete é o cheirinho de coisa limpa – óbvio. É super refrescante e dá bem aquela sensação de banho bem tomado; é um perfume bem levinho de flor, não irrita e fica bem suave na pele. Um poucuinho só é o suficiente e ele espuma bastante, dá uma sensação de coisa luxuosa.

Loção de limpeza facial Ultrabland da Lush: Fiz uma resenha desse produto recentemente e adicionei aqui nessa lista por ele ser dois em um; primeiro, ajuda a tirar a maquiagem e ainda hidrata bem a pele. Ele é um creme bem grossinho que derrete a maquiagem ao mesmo tempo que não agride, to amando demais.

Lembrando que não teremos um favoritos de dezembro, pois em janeiro sai os favoritos completos de 2017. Preparados?

Resenha: loção de limpeza facial Ultrabland da Lush

Hello, amores! Tudo bom com vocês?

Como uma pessoa que usa muita maquiagem, eu preciso sempre de demaquilantes que não destruam completamente meu rosto na hora de remover. Já testei alguns e agora foi a vez do famoso Ultrabland da Lush, uma loção que “derrete” a maquiagem na hora de tirar e ainda hidrata a pele no processo.

A princípio, achei que não ia valer a pena ou que não ia funcionar, por esse produto ser quase que literalmente uma pasta bem oleosa. Mas o que faz o efeito é justamente essa textura. Para remover a maquiagem, eu coloco um pouco no rosto e vou massageando até sentir que já aderiu bem a pele. O produto meio que vai derretando a maquiagem, soltado-a da pele.

Depois que já está mais ou menos derretido e o Ultrabland já esquentou na pele, pego uma toalhinha úmida – algodão também funciona, mas dá bem mais trabalho e gasta bastante – e vou limpando o rosto como se estivesse enxugando o produto. Colocar o rosto em água corrente não funciona, pois o produto é oleoso, não tem como “enxaguar”.

Meu medo era que a pele ficasse com resquício de produto, ficasse oleosa ou que simplesmente não removesse a maquiagem, mas nada disso acontece. O Ultrabland sai inteiro na toalha, assim como a maquiagem, dá pra ver bem. A pele fica super macia e sem nada de resto da loção. Depois, lavo com um sabonete líquido. Isso é o suficiente para garantir que a pele está limpa.

Porém, como no começo eu desconfiava, ainda fortalecia a limpeza com um pouco de água termal em um algodão. Depois de fazer algumas vezes, percebi que o algodão vinha 98% limpo, então era um passo desnecessário. Foi uma surpresa muito boa e super recomendo, pois mesmo com a pele oleosa, ele não decepciona.

Conversa: falta de inspiração

Oi, amores! Tudo bom?

Hoje eu quase, pela primeira vez em dois anos do blog, não fiz um post! É por isso, inclusive, que esse entrou mais tarde. Passei a manhã inteira tentando pensar em alguma coisa para postar e nada veio a mente, então pra não simplesmente postar qualquer lixo ou uma coisa que não tinha nada a ver, resolvi que não postaria.

Eu tinha planejado falar sobre minha formatura que está se aproximando, coloquei “conversa sobre final do curso” no meu planejamento, mas acabei decidindo que não iria falar sobre isso ainda. Estou terminando o sétimo período de jornalismo, mas ainda tenho um período pela frente – e um TCC. Então não acho que seja a hora para começar a lamentar ainda, afinal sei que fazer um TCC não é coisa fácil.

Fiquei buscando uma alternativa, mas simplesmente não me ocorreu nenhuma outra ideia, então resolvi fazer um post sobre algo que todos nós sofremos: falta de inspiração, bloqueio, falta de motivação e simplesmente falta de vontade. Não entenda errado, eu tenho mais outras dezenas de posts planejados para as próximas semanas, mas hoje simplesmente não me veio nada em mente; de última hora, meu cérebro não funcionou.

Eu até me considero uma pessoa criativa, ideia fluem com certa facilidade e naturalmente, mas eu sou um ser humano, então vez ou outra a cabeça não está no lugar certo ou o cansaço é muito grande, então nada surge. Isso é normal e não vejo porque se frustar, mas com certeza também não é “desculpa” para simplesmente não fazer, não é?!

Então para que nunca mais eu fique sem ideia para fazer um post, fiquem à vontade para deixar pedidos, sugestões, dicas, o que for, nos comentários abaixo, pelo instagram (@conversasdepenteadeira) ou por email (paulapaixaocdp@gmail.com) e eu vou amar demais.

Planos para o Natal?!

Olá, amores. Como vão vocês?

A minha época preferida do ano se aproxima e claro que a programação do blog vai ser super especial nessa época. Esse post é para explicar como vai ser dividido o conteúdo esse ano.

Ano passado, eu fiz um post por dia, todos com tema de Natal, e chamei de blogmas, expressão já usada por blogueiras gringas. Teve de tudo, dicas de decoração, presentes, receitas, looks, muito conteúdo que eu ainda acho que seria válido para esse ano, então pode ir conferir o especial de natal de 2016.

Para 2017, eu queria fazer algo diferente. Primeiro porque não sei se teria criatividade o suficiente para fazer um post por dia novamente e também não queria que ficasse repetitivo. Então vamos ter os três posts por semana normais, com resenhas, lançamentos, dicas, as conversas que vocês já conhecem. Mas os outros dois dias úteis da semana vão ser para falarmos sobre o natal.

Separei uma tag para responder e dicas atuais para as festas de final do ano. Então, serão três posts normais e dois posts de natal durante todo o mês de dezembro. Captaram? Anotem no calendário, em um post-it, só não esqueçam de vir visitar o blog todo os dias, ta?!

Se vocês quiserem algum tipo de conteúdo específico, é só colocar aqui nos comentários. Amo atender os pedidos de vocês!

Cuidados com a pele: saiba o que você precisa

Hello, amores! Tudo bom?

Então, cuidar da pele não é a coisa mais fácil do mundo, mas quando a gente aprende a escutar o que ela precisa, fica bem mais fácil e o resultado é certo. A primeira coisa que você vai ter que entender é que não adianta ter uma rotina diária fixa; a mais importante saber o que a sua pele quer do que alimentá-la com o mesmo produto todos os dias.

Minha pele é oleosa, então uma coisa que eu não posso evitar é lavar bem o rosto, pelo menos duas vezes ao dia, mas isso não quer dizer usar o mesmo sabonete secante toda vez. Se eu fizer isso, depois de quatro dias, algumas áreas do meu rosto vão começar a ficar super ressecadas e despelar, então tenho que previnir isso.

Ao invés de sempre usar o mesmo sabonete líquido antioleosidade sempre, a cada dois dias uso uma loção de limpeza, que é mais suave e promove a hidratação da pele enquanto limpa. Se eu não tiver usado muita maquiagem, esse passo é suficiente, depois faço uma hidratação. Mas se tiver carregado na make, ainda dou uma reforçada na limpeza com uma água micelar que eu sei que não vai ressecar os poros.

Também tento sempre ter duas máscaras em casa: uma de hidratação e uma matificante, para poder usar a correta. Da última vez, usei a errada e minha pele sofreu. É preciso ter muito cuidado, principalmente se você tem a pele sensível que reage a qualquer coisinha.

Ah, e outra coisa super importante: a pele precisa respirar também. A própria pele tem o poder de se curar e se cuidar, por isso ela produz mais óleo do que deveria às vezes – é uma defesa natural pra quando a pele fica muito seca. Então não tenha medo de apenas lavar o rosto e não fazer mais nada, pois isso também é um grande favor que você faz a ela. Ah, e não tem produto que subtituta um bom dermatologista, okay?

Você tem alguma dica infalível a respeito de cuidados de pele? Então deixa aqui nos comentários:

Tendência: esfumado negativo

Oi, amores! Tudo bom com vocês?

Eu amo saber as tendências de maquiagem que vão chegar e o que está sendo usado nos desfiles de Fashion Week, por isso sempre acompanho o canal da Vic Ceridono, do Dia de Beauté. Recentemente ela fez um vídeo com a Fabi Gomes, maquiadora oficial da MAC aqui no Brasil, e elas falaram sobre uma coisa que eu achei super interessante: o esfumado negativo.

A ideia dessa técnica é ser natural, usando cores que já podem ser encontradas normalmente no rosto da pessoa e que, na hora da aplicação, pareça que é uma sombra natural do rosto. Ou seja, nada de fazer um sanduíche de cores daqueles que dá pra ver claramente que tem no mínimo três sombras aplicadas.

Se você consegue perceber que você tem uma pálpebra um pouco mais escura que o resto do seu rosto, é exatamente esse tom de sombra que você tem que buscar, pois, na hora que você passar a base ou o corretivo, você vai igualar o tom da sua pele e seu olhar vai perder a dimensão, então uma sombra da cor natural da sua pálpebra seria o ideial para devolver a intensidade do olhar.

Esse conceito de “esfumado negativo” também pede que a transição de cor seja invisível, então pode fazer do seu pincel de esfumar o seu melhor amigo. De que adianta ter a cor de sombra perfeita para fazer seu sombreado, se dá pra ver a linha exata de onde começa e onde termina a cor? A ideia é que o acabamento seja impecável e impercepitível, extremamente suave.

Para isso, o pincel de esfumar tem que ser realmente o fera no acabamento, além de você ter a mão leve e tirar o excesso do produto do pincel antes de aplicar. O principal é que, para quem está olhando de fora, não pareça que você está de maquiagem. É realmente hora de saber enaltecer sua beleza natural de forma discreta e clean, sem pesar em nada.

Curtiram essa tendência? Deixa aqui nos comentários se você acha que vale a pena testar:

Qual é a melhor esponja: Real Techniques ou Macrilan?

Oi, amores. Tudo bom?

Demorou, mas cheguei nesse amor por usar esponjas de maquiagem. Finalmente! Vendo as pessoas usarem, nunca entendi muito bem como uma esponja poderia ser melhor que um pincel, mas posso dizer com toda certeza hoje de que é sim e não quero mais largar.

Eu já tinha testado duas esponjas antes e não gostei nem um pouco, continuei sem entender o motivo de tanto amor. Mas é aquela coisa, se não for o produto certo, nem adianta. As últimas mais recentes que eu comprei foram a da Real Techniques (laranja) e da Macrilan (rosa) e queria comparar essas duas, pois sei que são marcas bem conhecidas, mas de mercados diferentes.

Para mim, não pode faltar esponjinha na hora de aplicar base, corretivo e pó. Faz toda diferença no acabamento e é bem mais prático que um pincel; faço tudo muito mais rápido, pois além de ser maior, é uma ferramente só para tudo, né?!

Usei primeiro a da Real Technique e fiquei completamente apaixonada. Ela é super macia, mesmo se não estiver molhada, deixa a base com o aspecto de pele mesmo, é super rápida na aplicação e não absorve muito produto, além de garantir uma cobertura tão boa quanto a base promete. A diferença foi tanta, que eu fiquei logo querendo testar uma esponja brasileira que fosse correspondente, pois a da RT é um pouco cara.

Achei a da Macrilan super acessível e lembrei que alguma blogueira já haviam falado sobre ela, então não perdi a oportunidade de comprar. Bem, acontece que fui com muita sede ao pote. A esponja realmente aplica base bem, mas parece que estou dando murros no rosto. Ela é bem firme e nem molhando ela ajuda; apenas cresce, não fica mais macia.

Por ser mais grossa, ela não absorve produto, mas sinto que o acabamento não fica tão bom. É como se a base não “assentasse” na pele, sabe?! Fica uma cobertura muito boa por causa disso, mas acabo precisando de mais produto e fica uma quantidade exagerada no rosto.

Infelizmente, nesse caso, ainda prefiro a versão internacional e mais cara. Honestamente não me vejo mais fazendo maquiagem sem usar essa esponja da RT. Qual é a sua preferida?